(11) 4386 6899 Whatsapp (11) 97703 4454

Satisfazendo o desejo de compra de seu cliente

Há cerca de 300 anos atrás, Hobbes já dizia que “Desejar é querer alguma coisa que ainda não se possui. ” E pode-se dizer que foi graças a esse sentimento de desejo que o mercado de varejo foi criado, para que as pessoas pudessem satisfazer os seus desejos de compra. Porém, essa ideia de satisfazer um desejo de compra é mais recente, já que com o avanço da indústria ao longo dos anos o mercado tornou-se saturado de produtos. Agora, quando abrimos um negócio, o nosso foco não é tão intenso nas necessidades dos nossos potenciais clientes, mas sim no desejo de compra desse cliente.

O que um cliente deseja satisfazer quando entra na sua loja?

Nem sempre o cliente sabe, e cabe ao vendedor descobrir e suprir essa necessidade do cliente. Algumas necessidades são fáceis como suprir o desejo de autopreservação e suprir o desejo de proteger a família.

Para – tentar e acertar – descobrir qual foi o desejo de compra que levou o cliente a entrar em sua loja, tenha em mente que todo desejo de compra pode ser uma inquietação íntima, ou um impulso ou uma intenção já previamente decidida. Você como vendedor pode perguntar ao cliente se ele quer alguma ajuda e a partir da resposta do cliente trabalhar para que seu desejo de compra se revele e que se concretize.

E como eu desperto o desejo de compra do meu cliente?

Há diversas dicas de como despertar o desejo de compra do seu cliente, dicas que vão desde a estética da sua marca, da sua loja e de seus funcionários à forma de como o seu negócio é conduzido. Mas atualmente, sabemos que ter uma marca bonita, com pontos de vendas atrativos e funcionários bem preparados não são mais o suficiente. Eventualmente você terá que despertar o desejo de compra de um cliente.

E nem sempre esse despertar de desejo de compra deve ser feito apenas com o objetivo de vender e lucrar mais, é preciso criar algum tipo de conexão com o cliente. E hoje o desafio das empresas é justamente esse: investir em duas plataformas que ajudam o cliente a ter uma experiência de compra completa. As plataformas são:

  • Conexão: que é basicamente entender as necessidades do cliente;
  • Experiência que é encontrar uma forma de engajamento que envolva os seus produtos e ofertas e o cliente e suas necessidades/desejo de compra, e fazer esse(s) serviço(s) da melhor forma possível.

Esse foi o resultado de uma pesquisa realizada pela Vidi Shopper, e mostra que atualmente o cliente está mais interessado na experiência da compra do que com o resto. Ainda de acordo com essa pesquisa, uma boa experiência de compra envolve um atendimento mais humanizado, fazendo com que o cliente se sinta compreendido e satisfeito. Ou seja, não adianta despertar o desejo de compra no cliente apenas por querer vender um produto. É necessário entender e suprir a(s) necessidade(s) do cliente.

TIVI apresenta inovações de marketing para varejo

A linha de plataformas digitais de vídeos da Tivi é bem variada e eficiente podendo contribuir para a estratégia de Omni-channel. Pode ser útil para diferentes ambientes e objetivos, divulgando redes sociais ou criando um engajamento apostando em uma comunicação interativa. Um bom exemplo é o Shelf Display.

Essa é uma solução pronta para o uso. Trata-se de display digital para ponto de vendas que só precisa receber conteúdo e ser fixado no PDV. Tudo isso de forma prática, fácil e eficiente. Veja mais informações aqui.

Com informações de: ClienteSA; Admnistradores.com.

Alice Falson

Colunista do blog da Tivi, Alice é formada em Jornalismo pela Universidade Católica de Pelotas.

Dicas de como inovar na empresa Conheça o Shelf Display
Convites em vídeo